Você está aqui: Página Inicial / Pessoas / Carlos Augusto Calil

Carlos Augusto Calil

Desde 1987, professor do Departamento de Cinema, Rádio e Televisão da ECA/USP, onde ministra as disciplinas História do Audiovisual Brasileiro e Legislação e Mercado Audiovisual. Em 2000, coordenou a implantação do Curso Superior do Audiovisual, que fundiu as habilitações em Cinema e Vídeo e Rádio e Televisão. Foi vice-presidente da Comissão de Cinema da Secretaria de Estado da Cultura (1977-79); diretor e presidente da Embrafilme - Empresa Brasileira de Filmes S.A (1979-86), em cuja gestão foi concebido e inaugurado o Centro Técnico Audiovisual. Diretor da Cinemateca Brasileira (1987-92), conduziu o processo de incorporação da Cinemateca pelo Governo Federal. De 2001 a 2004, dirigiu o Centro Cultural São Paulo. Entre 2005 e 2012, exerceu o cargo de Secretário Municipal de Cultura de São Paulo, cuja gestão concentrou esforços na valorização dos equipamentos públicos, sem perder de vista o fomento às artes. Entre as reformas, destacam-se: Teatro Municipal; sede da Biblioteca Mário de Andrade; edifício do IPESP, adaptado para abrigar a Hemeroteca da Biblioteca Mário de Andrade; Casa número 1, transformada em Casa da Imagem de São Paulo; Chácara Lane, que possibilitou a criação do Gabinete do Desenho; Solar da Marquesa, único exemplar do século 18 no centro de São Paulo, sede do Museu da Cidade; e o Pavilhão Armando Arruda Pereira (ex-Prodam), no Ibirapuera, transformado no Pavilhão das Culturas Brasileiras. Concebeu e construiu o Centro de Formação Cultural de Cidade Tiradentes. Recuperou, ainda, cinco teatros distritais e 42 bibliotecas. Na área de bibliotecas, retomou e expandiu o projeto ônibus-biblioteca e conduziu a informatização geral do acervo de 2,7 milhões de itens, constituindo um catálogo único, cujo acesso pode ser feito em qualquer biblioteca pública do Sistema Municipal de Bibliotecas. Entre as iniciativas bem sucedidas da Secretaria Municipal de Cultura está a criação e realização por oito anos consecutivos da Virada Cultural, o maior evento de rua da cidade. Também idealizou e construiu a Praça das Artes, conjunto cultural que já teve seu primeiro módulo concluído.

registrado em: