Você está aqui: Página Inicial / Pessoas / Felipe Chaimovich

Felipe Chaimovich

Felipe Chaimovich

Nascido em Santiago do Chile em 1968, Felipe Soeiro Chaimovich é curador do Museu de Arte Moderna de São Paulo desde 2002. Atua também como crítico de arte do jornal Folha de São Paulo desde 2000 e é professor titular pleno de história da arte contemporânea e crítica de arte na Fundação Armando Álvares Penteado, em São Paulo. Chaimovich possui doutorado e pós-doutorado em filosofia pela Universidade de São Paulo e dentre suas curadorias mais relevantes estão: Ouro de Artista (São Paulo: Projeto Leonilson/Casa Triângulo, 1996); Ponto Cego (São Paulo: Museu da Imagem e do Som, 1998); Obra em Contexto: Iran do Espírito Santo (São Paulo: Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, 2000), Capela Sistina (São Paulo: Galeria Luisa Strina, 2000) e “2080” – um painel artístico dos anos 80 com 50 obras de 37 países. É autor de Iran do Espírito Santo (São Paulo: Cosac  e Naify, 2000), "Objects or Reflexion: Brazilian cultural situation", em On Cultural Influence (Nova York: Apexart, 2006),“Greenberg after Oiticica”, em The State of Art Criticism (Nova York: Routledge, 2007) e “Mirrors of society: Versailles and the use of flat reflected images”, Visual Resources, vol. 24, #4 (Routledge, 2008). Foi curador do “29º Panorama da Arte Brasileira” (MAM-SP, 2005) e de “Ecológica” (MAM-SP, 2010). Membro do Conselho consultivo de Artes Plásticas do MAM/SP.

 

 

 

 

 

Conteúdo relacionado
Encontro Internacional de Curadoria
registrado em: