Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2019 / 01 / Memorial às Vitimas da Boate Kiss - Santa Maria Rio Grande do Sul - Brasil

Memorial às Vitimas da Boate Kiss - Santa Maria Rio Grande do Sul - Brasil

Uma Noite, 242 Vítimas

Na madrugada do dia 27 de Janeiro de 2013 mais de mil jovens estavam na casa noturna Kiss, na cidade de Santa Maria (RS). Muitos jovens estavam comemorando aniversários, formaturas universitárias, a chegada das férias de verão. No palco principal, a banca Gurizada Fandangueira fazia um show, no qual utilizava fogos de artifícios como parte da sua apresentação. Foram esses fogos que provocaram o incêndio que vitimou 242 pessoas. Muitos jovens morreram no local, outros nos dias que se seguiram ao incêndio. Uma soma de fatores como a toxicidade do material utilizado como isolamento acústico, a ausência de saídas de emergência em funcionamento, a superlotação da boate, o despreparo, entre outros, ocasionaram a tragédia.

Futuro Memorial

O Memorial da Kiss será construído no local onde funcionava a boate. Em 2017 por meio de um concurso público foi escolhido o projeto arquitetônico de Felipe Zene Motta. Em 2018 a AVTSM firmou um contrato com uma equipe de pesquisadores responsáveis por desenvolver o projeto curatorial do futuro Memorial.

Precisamos de sua ajuda! Participe respondendo um questionário até 15/03!

Nosso Objetivo

Este site se propõe como uma plataforma de diálogo com a sociedade em torno do conteúdo do futuro memorial às vítimas da tragédia de Santa Maria. Se espera que este site auxilie no processo de criação e planejamento do conteúdo do futuro Memorial.

Perante o desafio de criar o futuro Memorial queremos convidar a todos a participar. Como deve ser contada a tragédia? Através de quais recursos? Com quais objetivos? Qual o público alvo do Memorial? Quais atividades poderiam ser desenvolvidas neste espaço?

Este projeto é resultado de uma parceria entre a Associação de Familiares de Vítimas da Tragédia de Santa Maria (AVTSM) e especialistas na área que atuam em projetos de pesquisa na UFSM e na UFPEL.

Conheça aqui: http://memorialki.dominiotemporario.com/#part2